Atenção: a melhor amiga da Ansiedade Social

 Atenção a melhor amiga da ansiedade social

Todos os problemas e preocupações têm melhores amigos, isto é, algo que os mantêm. Para o problema da Ansiedade Social se manter também teria que existir uma aliada, neste caso é a Atenção.

Mas antes de conhecer esta aliada falemos do inimigo original. A Ansiedade Social é o medo ou receio intenso de situações sociais, mais em particular situações com desconhecidos. O que acontece é que perante as situações temidas a pessoa sente uma enorme ansiedade, sensações corporais de desconforto intensas e os seus pensamentos tornam-se negativos. Pode sentir algumas sensações como batimento cardíaco acelerado, dificuldade em respirar, tremores, suores, alterações intestinais, entre outras coisas. A reação de cada pessoa é particular, mas o desconforto é comum a todas as pessoas com esta dificuldade. Ao nível dos pensamentos, existe uma destorção da realidade, isto é, toda a situação é percecionada como perigosa existindo muitas vezes uma generalização dos elementos negativos. E uma das grandes dificuldades é o facto de a ansiedade ser sentida não só durante a situação mas também antes por antecipação e depois por ruminação. A antecipação da situação temida leva, muitas vezes, a pessoa a evitar a situação. Por vezes começa com pequenos evitamentos, mas com o tempo o medo vai crescendo e a quantidade de situações evitadas também.

E é nesta parte da história que aparece o grande factor de manutenção da Ansiedade Social, a Atenção. Antes, durante e depois da situação temida é sentida ansiedade, e essa emoção é ampliada, assim como todos os sintomas associados, pela Atenção. A ansiedade é como uma criança a fazer uma grande birra, quanto mais atenção der à criança, maior a birra. Se optar por não reforçar a birra de uma criança com atenção, a birra, por maior que seja, termina. O mesmo se passa com a ansiedade, quanto mais atenção e foco colocamos no desconforto, nos pensamentos e na emoção, mais estes aumentam. Isto acontece porque ao focar a atenção, mesmo que de forma inconsciente, em qualquer estímulo, o acesso e contacto com esse estimulo aumenta. Por exemplo, se colocar o foco numa dor física, a dor aumenta. Por outro lado, se estiver com dores mas se se distrair, por exemplo com a presença de uma pessoa amiga, é provável que a dor diminua.


Conheça o Curso Terapêutico para a Ansiedade Social


Este é um dos grandes segredos para vencer a Ansiedade Social, retirar o seu grande factor de manutenção, dar menos atenção aos sintomas. No fundo trata-se de tornar consciente o processo automático. Demora algum tempo e precisa de treino, mas é possível.

Assim, sem a ajuda da sua aliada, a Ansiedade Social tem menos hipóteses de prevalecer. Mais ainda, é possível que a Atenção mude para o outro lado da batalha, se conscientemente escolher focar a sua atenção num outro estímulo. Por exemplo, se num momento de maior ansiedade se focar na sua respiração, e se treinar esta capacidade de direcionar a sua atenção, a ansiedade vai diminuir. Da mesma forma, por exemplo, num jantar de grupo pode focar-se nos pormenores da sala, no vestuário das outras pessoas, na conversa, ou em qualquer outro estímulo. Redirecionando a sua atenção a ansiedade e desconforto sentidos vão baixar.

Experimente fazer da Atenção a sua aliada para que ela deixe de ser: A melhor amiga da Ansiedade Social.

No Curso Terapêutico para a Ansiedade Social, as sessões serão semanais, Terças-feiras das 20h às 21h30, durante 12 semanas. Cada sessão terá o custo unitário de 20€.

Os objetivos do grupo são:
  • Compreender o que causa a ansiedade social e como se manifesta;
  • Aprender a lidar com os pensamentos automáticos que acompanham a ansiedade social desenvolvendo novos padrões de pensamento;
  • Aprender estratégias de regulação emocional;
  • Alcançar mais controlo sobre a ansiedade;
  • Desenvolver competências sociais a partir de uma comunicação assertiva.

Inscreva-se já através deste formulário, ou coloque as suas questões!

[contact-form-7 404 "Not Found"]
Joana Canêlhas da Fonseca
Joana Canêlhas da FonsecaPsicóloga Clínica
Mostrar mais Artigos
2017-04-12T14:30:17+00:00 Fevereiro 8th, 2017|Ansiedade social, Autor(a), Joana Fonseca, Serviços|
Translate »