Perturbação Pânico

Já sentiu medo do medo?

Já sentiu medo do medo?

Cristiana Pereira

Medo de ir, medo de sair, medo de uma consulta, medo de sofrer, medo de se envolver e de o poderem magoar, medo do preconceito, medo de falhar, medo de não ser aceite, etc., etc… Já reparou que não são os receios reais, mas os que imaginamos que nos fazem perder a noção da realidade, que nos paralisam, que dificultam a nossa vida e as nossas decisões?

Continuar a ler

0

Grupo de Tratamento Perturbação de Pânico

Grupo Tratamento de Perturbação de Pânico

O que é o pânico? O pânico pode ser descrito como um período de tempo de medo ou desconforto intensos durante o qual quatro (ou mais) dos seguintes sintomas se desenvolveram abruptamente e atingiram um pico num espaço de 10 minutos.

Estes podem ser, então, palpitações cardíacas, batimentos cardíacos fortes ou coração acelerado; suores; tremores; dificuldade em respirar; sensação de sufoco; dor no peito ou desconforto ...

Continuar a ler
0

Perturbação de Pânico

Perturbação de Pânico

Na Perturbação de Pânico os episódios de ansiedade são recorrentes, e têm uma intensidade severa, e não se relacionam com situações ou circunstâncias concretas. Por isso, acontece frequentemente nestes casos, as pessoas manifestarem uma ansiedade constante que não está relacionada com uma situação ou acontecimento concreto. O medo de futuros ataques de pânico conduz a uma constante vigilância das sensações corporais, o que aumenta a ansiedade antecipatória. Com isto, os sintomas (respiração mais rápida, taquicardia, suores nas ...

Continuar a ler
0

Conviver com o medo

Muitas são as pessoas que se sentem receosas durante grande parte da sua vida. O medo é uma das emoções mais embrutecedoras. Pode paralisar-nos e impedir-nos de continuarmos, ou até mesmo apavorar-nos, levando-nos a fugir. Um medo patológico corresponde a um alarme desmesurado, tanto na sua activação como na sua regulação. Se é desencadeado com demasiada frequência e com níveis de perigosidade muito baixos, o aparecimento do medo é demasiado forte, sem flexibilidade, um mecanismo tudo-nada. 

Conhecer o mecanismo ...

Continuar a ler
0

Perturbação de Pânico e Emoções

A relação entre pânico e a dificuldade em expressar emoções

De acordo com investigadores da Universidade de Nápoles (Itália), as pessoas com dificuldade em identificar, expressar e gerir experiências emocionais podem ter maior propensão a desenvolver perturbações de ansiedade, nomeadamente perturbação de pânico.

Quem já teve um ataque de pânico não precisa de ser relembrado do intenso desconforto e terror associado à sensação de perigo iminente, sensação de impotência e um forte impulso instintivo de ...

Continuar a ler
0

Será que vou morrer?

“ O pânico é um súbito abandono de nós próprios, e a submissão ao inimigo que é a nossa imaginação”

Christian Nevell Bovee

“Acordei a meio da noite com um aperto no peito e falta de ar…Parecia que ia morrer! O que é que se passa? Será que estou a ter um ataque cardíaco? Tenho que sair daqui! Fui ao Hospital e disseram-me que tinha tido um ataque de pânico. A partir desse dia fiquei ...

Continuar a ler
0

O pânico e a terapia familiar

O trabalho de acompanhamento psicológico que tenho realizado com as famílias na minha atividade clínica tem-me ensinado muito sobre a dimensão relacional dos sintomas. Muitas pessoas têm uma ideia vaga do que é a terapia familiar. Vou tentar trazer alguma luz, refletindo sobre a forma como esta modalidade psicoterapêutica pode operar, por exemplo, num sintoma tão frequente nos pedidos de terapia individual nos dias de hoje: o pânico.

As grandes manifestações de ansiedade dentro das quais o pânico não só ...

Continuar a ler
0

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress