Cozinhar para si: dar-se ao trabalho ou dar-se ao prazer?

Autor: Margarida Marcão

Vários são os clientes que referem não ter vontade de preparar as suas refeições porque, segundo eles, cozinhar só para um, sendo este um o próprio, “não tem piada”.

Há uma grande tendência para pensar que não vale a pena dar-se ao trabalho de cozinhar se mais ninguém vai ver ou saborear a refeição. Cozinhar para si próprio, no entanto, pode ajudar a poupar dinheiro e a alimentar-se de forma mais saudável, além de ajudar a distrair e a relaxar.

Se a razão que o(a) leva a não ter motivação para cozinhar para si próprio é ter terminado uma relação amorosa e agora não ter um companheiro(a) para quem cozinhar, lembre-se de que a relação que tem consigo próprio(a) não terminou, essa não termina nunca! Como todas as relações, a que tem consigo próprio(a) tem de ser cuidada todos os dias. Sozinho(a) ou acompanhado(a) deve sempre cuidar da sua saúde, da sua carteira e do seu bem-estar! O mesmo se aplica a quem espera (im)pacientemente o seu príncipe ou princesa encantado(a). Os filhos saíram de casa? A pessoa especial que continua a ser merece ser cuidada, e porque não preparar-se para os receber melhor quando o(a) forem visitar?

Aproveite para experimentar novas receitas e apurar as que já conhece. Aproveite para estimular a sua criatividade e os seus sentidos. Oiça as suas músicas preferidas enquanto cozinha, ou coloque a tocar aquele álbum novo que ainda não teve oportunidade de ouvir. Sinta o aroma das especiarias, do chocolate derretido, da baunilha; a textura da massa da quiche enquanto a amassa, da folha de gelatina quando a escorre, dos legumes enquanto os corta; aprecie o bolo a crescer no forno e a ganhar forma… misture ingredientes, invente molhos… Aproveite para desenvolver as suas capacidades na cozinha e para se mimar!

De vez em quando poderá também convidar amigos para jantar e mostrar-lhes os seus dotes culinários, proporcionando a todos um saboroso momento de convívio.

2017-03-31T13:09:55+00:00 Abril 2nd, 2014|Desenvolvimento Pessoal, Vários autores|
Translate »