Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin

Rita Torres

[Temos sempre de fazer perguntas, e temos sempre de perguntar o porquê das nossas próprias perguntas. E sabes porquê? Porque as nossas perguntas, à primeira vista, levam-nos para lugares aonde não queremos ir. Consegues ver o cerne da questão, Harry? As nossas perguntas são, por definição, suspeitas. Mas precisamos de fazê-las.]

2666
Roberto Bolaño

 

Sendo a relação o elemento estrutural de todo o comportamento humano, ser psicóloga é essencialmente estar em relação. A relação terapêutica enquanto fenómeno experiencial permite que a pessoa se descubra, identifique áreas problemáticas e padrões relacionais geradores de sofrimento. Consiste num espaço contentor e privilegiado de reparação, que favorece o desenvolvimento de estratégias para lidar com problemas, angústias, dificuldades, vulnerabilidades.
Ao longo do processo terapêutico, o/a psicólogo/a é um elemento facilitador de mudança, auxiliando e guiando a pessoa que, no exercício da sua liberdade e autonomia, enceta um processo de transformação.
Da imprevisibilidade das narrativas à emotividade de um momento, no consultório tecem-se histórias. Histórias de lugares mais felizes, onde a pessoa poderá ser fiel a si a própria, suficientemente empoderada para lidar com as dificuldades que vão surgindo.
E como só poderia ser, ajudar alguém a reescrever a sua história é um absoluto prazer. Psicóloga de vocação, acredito em pessoas e no seu poder de mudança. Com dedicação e responsabilidade, adoto um modelo integrativo, conjugando diversas técnicas e modelos teóricos, por forma a ajustar a intervenção às necessidades e especificidades de cada pessoa.

 

– Mestrado Integrado em Psicologia Clínica e da Saúde – Intervenções Cognitivo-comportamentais nas Perturbações Psicológicas e da Saúde, pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, com estágio curricular realizado na Consulta de Psicoterapia Cognitivo-Comportamental e Distúrbios Alimentares dos Hospitais da Universidade de Coimbra
– A realizar a pós-graduação de Sexologia Clínica, pela Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica.
– Desde 2009 a exercer prática clínica com adultos em contextos de clínica privada, Instituição Privada de Solidariedade Social, intervenção comunitária e intervenção em crise.
– Experiência em intervenção com migrantes e minorias étnicas
– Formação especifica em Psicoterapia e Aconselhamento em Questões LGBT
– Formadora certificada, com especialização em Igualdade de Género
– Pós-graduação em Gestão Estratégica de Recursos Humanos
– Experiência em coordenação de equipas e gestão de voluntariado

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin