Artigos

De pequenino se cria a auto-estima

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin
Cecília Santos

Cecília Santos

A construção da nossa autoestima começa desde muito cedo e é determinante no nosso desenvolvimento, nomeadamente em etapas precoce como a infância. São várias as experiências que potenciam a autoestima positiva nas crianças. Pequenas conquistas como por exemplo conseguir vestir-se sozinha, ou apertar os cordões dos sapatos, permitem que elas experimentem sentimentos de realização e autoconfiança, o que reforça a sua autoestima, principalmente quando há um elogio por parte dos cuidadores perante essas situações de sucesso.

Sendo um processo dinâmico, a autoestima modifica-se ao longo do nosso desenvolvimento e ganha diferentes contornos resultantes das nossas experiências e das relações interpessoais. De um modo geral, a autoestima consiste na forma como nos vemos, e baseia-se em pensamentos, experiências, sensações e sentimentos que vamos assimilando ao longo da nossa vida.

Certamente, já lhe sucedeu ver o seu filho, ou até um sobrinho ou primo a fazer uma construção com legos e chegar perto e fazer um comentário como “Essa é a casa que ias construir? Não está lá muito bem, deixa cá ver que eu faço o telhado.” Permita que a criança guie a sua brincadeira à sua maneira, se calhar para ela aquela casa ou aquele castelo é muito importante e está bem daquela forma que ela o construiu. Por vezes, sem nos apercebermos, pequenos comentários podem ser desencorajantes para as crianças, o que pode originar sentimentos de frustração e falta de confiança nelas próprias.

As aprendizagens são feitas através de tentativas e erros e por isso, é importante que as crianças tenham um certo nível de autonomia. É natural que ao tentarem atingir um objetivo pela primeira vez falhem, até mais do que uma vez, mas certamente após várias tentativas vão ser bem-sucedidas, desenvolvendo desta forma ideias positivas acerca das suas capacidades.

Em todo este processo, os pais, educadores e outros cuidadores assumem um importante papel na promoção de autoestima.

Mas então, como se pode promover autoestima de forma descomplicada com as crianças?

  • Não valorize pequenos erros que a criança possa cometer;
  • Demonstre interesse e orgulho pelas conquistas que vai alcançando;
  • Elogie a criança sempre que ela consiga alcançar objetivos (sejam eles por iniciativa própria, ou delineados por outrem. Elogie também as suas capacidades perante pessoas significativas para a criança;
  • Brinque com ela e deixe que ela guie a brincadeira. Mostre interesse em participar na mesma atividade do que ela;
  • Evite comparar a criança com as outras crianças;
  • Perante situações de insucesso ou até mau comportamento, critique a ação e não a criança, explicando-lhe o porquê daquela situação;

Lembre-se que todas as crianças procuram aprovação e reconhecimento por parte dos cuidadores e outras pessoas significativas, e por isso, os comportamentos e atitudes acerca dos seus sucessos e insucessos são seriamente absorvidos por elas, constituindo uma forte influência na sua autoestima.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin
0
  Talvez também lhe interesse:

Add a Comment


Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress