Há vida nos intervalos

2017-05-31T16:08:19+00:00 Maio 31st, 2017|Desenvolvimento Pessoal, Madalena Lobo|

Imagine que vai ao ginásio e escolhe uma única máquina, num único exercício, para treinar. Quanto tempo aguenta? Uns minutos apenas, disse? Agora vai para uma aula, diversificada, em que vai trabalhando diversos músculos, de diversas formas. Quanto tempo aguenta? Pelo menos a hora toda da aula, certo? E, se estiver em forma, talvez [...]

Carta do tempo ao senhor seu dono

2017-05-07T15:36:45+00:00 Maio 7th, 2017|Desenvolvimento Pessoal, Madalena Lobo|

Carta do tempo ao senhor seu dono   Querido dono, Eu sei que só te lembras de mim para te queixares que te fugi, mas gostava de te lembrar do que tenho para te oferecer. Talvez assim te organizes melhor. Não, não será para melhor me gerires; já sabes que sou rebelde [...]

Existirmos: a que será que se destina?

2017-05-05T13:05:23+00:00 Maio 4th, 2017|Carolina Peixoto, OP BH Brasil, Psicoterapia, Reflexões, Uncategorized|

 A questão colocada no título deste texto é um trecho da música “Cajuína”, na qual o cantor e compositor Caetano Veloso coloca com maestria essa pergunta feita por muitos de nós em uma ou muitas etapas de nossas vidas. Acordamos certo dia, tocados ou não por acontecimentos traumáticos, e nos perguntamos para que afinal [...]

Qual é o seu propósito na vida?

2017-04-28T13:00:37+00:00 Abril 28th, 2017|Desenvolvimento Pessoal, Luciana Biagioni, OP BH Brasil|

Frequentemente recebo na Oficina de Psicologia clientes com sentimentos de angústia, ansiedade, tristeza, desesperança, medo... e o que percebemos é que apesar de ter causas diversas, em sua essência as pessoas procuram a terapia em busca de um sentido para vida. Desde a infância nutrimos curiosidade pelo sentido das coisas. Quem nuca fez perguntas [...]

Treine a sua assertividade

2017-05-18T18:40:33+00:00 Março 29th, 2017|Ansiedade social, Autor(a), Desenvolvimento Pessoal, Inês Chiote Rodrigues, Psicopatologia, Saber Psicologia|

A assertividade é uma competência muito importante para conseguir manter as relações saudáveis, pois significa que teremos capacidade para defender os nossos próprios direitos e interesses, sem violar os direitos e interesses dos outros. O que acontece quando não conseguimos ser assertivos é que tendemos a ser mais passivos ou agressivos, o que acaba [...]

Translate »