A capacidade de Superar

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin

Ana Beirão

Ana Beirão

Perante a adversidade existente na vida, seja após um evento traumático ou um episódio stressante, observamos que algumas pessoas conseguem mais facilmente ultrapassá-las e outras não. O que é que faz com que isto aconteça? A resiliência que cada pessoa tem e a forma como se auto-regula perante situações difíceis.

São várias as competências que podem ajudar a pessoa a se tornar mais resiliente, como aprender a regular as suas emoções. Pensar de forma diferente uma determinada situação de forma a mudar a resposta emocional. Para isso é necessário uma observação dos pensamentos, comportamentos, desafiar as avaliações negativas de um acontecimento stressante ou da própria pessoa e substituir por avaliações factuais. Pergunte-se a si mesmo “De que forma é que posso olhar para este problema de uma outra maneira?”

A prática de conseguir estar no momento presente, também possibilita que os níveis de stress sejam menos acentuados, pois não está a preocupar-se apenas com o futuro mas a viver o aqui e o agora.

Permitir-se viver com maior satisfação, desenvolvendo uma posição realista e optimista sobre a vida, onde presta atenção apenas ao que realmente preocupa, de forma a fortalecer a capacidade de lidar com o stress e o desapontamento.

Explorar recursos, para alguns fazer exercício, aumenta a capacidade para lidar com eventos stressantes além de promover a saúde física e mental. Para outros, o apoio da rede social ou da família é um auxílio importante. Perceber se existe algo que lhe traz prazer (e que é saudável) que faz com que encontre um equilíbrio, proporcione algum descanso e tempo para perspectivar outras soluções para esses problemas pertinentes. Exemplos: desenhar, andar, fotografar, cozinhar, tricotar, escrever, construir modelos de automóveis, etc.

De forma a conseguir adquirir estratégias para fortalecer a sua resiliência, aqui seguem mais alguns tópicos:

1. Resiliência significa aceitar que todas as coisas são temporárias: a ideia de que uma determinada coisa na nossa vida é eterna faz com que nos sintamos bloqueados. A mudança é um processo que ocorre durante a nossa vida e por vezes é preciso colocá-la em perspectiva. Assim é necessário não a combater, porque cria frustração e desespero.

2. Ser mais auto-consciente: quando se iniciam tarefas e a experiência é positiva, acaba-se por se ver como eficiente, ou seja, como uma pessoa que consegue fazer aquilo a que se propôs. Ao compreender melhor as suas forças e fraquezas, quando uma tarefa difícil aparece ou se for surpreendido por um evento stressor, irá ter mais facilidade em colocar essa situação em perspectiva. É importante confiar naquilo que já conhece em si e não permitir que a dúvida se apodere e destrua a sua capacidade de tentar e arriscar. Aprender a tornar-se mais auto-eficiente e auto-consciente permite com haja uma construção realística daquilo que faz.

3. A adversidade pode ajudar: ou seja, desenvolver a capacidade para lidar com momentos adversos. Ao passar por alguns momentos adversos da vida, constrói uma capa protectora que permite com que se acabe por experienciar menos stress e menos dificuldades ao lidar com situações futuras. Lembre-se que evitar o stress diminui a capacidade de lidar com o que lhe acontece, por isso tente gradualmente enfrentar situações mais desafiantes.

4. As relações sociais sãos “amortecedores”: uma escuta activa ajuda a tornar-se uma pessoa mais resiliente. Assim como saber pedir ajuda num período difícil permite fortalecer a sua capacidade de resiliência. A rede social é apoio fundamental, seja através dos amigos, grupos específicos, etc.

5. Objectivos delineados e o entendimento dos problemas: os objectivos ajudam a que haja um movimento daquilo em que se pensa para algo mais concreto e exequível. Praticamente todos os problemas tem soluções, o importante é pensar de forma criativa “fora da caixa” sobre possíveis soluções. Tudo o que pretendemos alcançar pressupões energia, motivação e esforço. E tudo isso faz com que a nossa capacidade de enfrentar situações se fortaleça.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin

0
  Talvez também lhe interesse: