Artigos

Desenvolver a atenção

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin

Sabia que a tomada de consciência do que estamos a fazer promove a confiança e aumenta o nosso equilíbrio? Ao desenvolvermos a atenção, vamos percebendo cada vez com maior clareza como importante é cada pensamento, palavra e ação, quer para nós, quer para os outros.

Concentrar a atenção em todas as atividades diárias, e não somente durante períodos de meditação formal, ajudá-lo-á a desenvolver o seu potencial. Seja qual for a experiência que estiver a viver, experimente contactar os seus sentimentos, pensamentos e natureza do seu ambiente interior. No sentido de promover o desenvolvimento da sua atenção deixo-lhe dois exercícios para dar início à sua prática de consciencialização.

1. Reserve alguns minutos, várias vezes ao dia, para perguntar apenas: “O que é que está a acontecer?” À medida que a observação se for tornando mais fácil, faça a si próprio esta pergunta mais frequentemente. Com o passar do tempo, uma articulação ativa entre o corpo, a mente e a consciencialização manifestar-se-á em todas as suas atividades. A observação acabará por se tornar fácil, livre de julgamentos, assemelhando-se a um toque suave, que não perturba o fluxo natural da mente.

2. Escolha uma palavra que use frequentemente todos os dias – uma palavra como “sim” ou “olá” – e, durante um ou dois dias, substitua por uma palavra alternativa. Observe atentamente as suas reações. Fica frustrado e desiste? Fica tenso quando se distraí e usa a palavra habitual? O lapso evoca pensamentos como: “Sou um fracasso; nunca chegarei a lado nenhum”?

Tome nota: uma auto-observação descontraída mas persistente, auxiliada por exercícios deste género, pode ensinar-nos muito. Pode começar por tentar entender como é que a mente e o corpo se relacionam. Quando se opera uma mudança num, o outro é afetado. Os pensamentos específicos podem estar associados a sentimentos e sensações corporais particulares. Também poderá reconhecer as circunstâncias que despertam emoções e que o levam a comportar-se de uma determinada forma.

No início da prática, pode dar por si desanimada/o e a pensar que está apenas a desperdiçar tempo e energia, que na realidade não está a acontecer nada e que devia de desistir. Mas é fundamental estarmos atentos a cada ação, a cada situação e motivarmo-nos, pois um único pensamento negativo pode mudar a direção do nosso percurso. Cada momento contém um potencial para o crescimento e maturidade emocional, porém cada momento também possui a capacidade de estagnação.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin
0
  Talvez também lhe interesse:

Add a Comment


Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress