Loading...
Emília Alves 2017-04-19T14:22:38+00:00

Emília Alves
Gestão Ramo Coaching • Coach • Consultora • Formadora• Lisboa

Fale Comigo

AO ESPELHO…

Em frente ao espelho logo pela manhã descubro sempre algo e vejo sempre o outro….
reinvento uma nova maneira de me relacionar com o outro ser humano com quem quero construir um caminho e contar uma história. O Coaching é uma ferramenta profissional, actualizada e simples para o fazer, assente numa experiência de trabalho e de vida já longa e no prazer indizível da descoberta de saber ser.

O desconhecido foi sempre a minha maior atracção e a minha curiosidade permanente a mais sofisticada motivação. E se a curiosidade não matou o gato, no meu caso, o apelo do desconhecido levou-me sempre a querer saber mais sobre o mundo lá fora, sobre mim, e a sentir-me bem no relacionamento com o outro, no verdadeiro sentido da alteridade, em que me descubro na relação com ele, descobrindo-o.

Daí o gosto pelo estudo, não para ser a melhor aluna, mas para compreender e apreender o que realmente me dá prazer saber, ensinar e partilhar. Por isso, o investimento numa formação e actualização contínuas, com muitos livros ainda de papel e muita investigação por terminar.

Carpe diem  é o meu motto  e por vezes sinto que me saberia bem ter muitos anos de vida ainda  para fazer tudo aquilo que gostaria de fazer.

Alguns Projectos OP

PERCURSO

35 ANOS DE EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

Muitos anos já de um percurso profissional que uma amiga há dias classificou como “muito  eclético”. Ups! Nunca tinha pensado nestes termos.  Diversificado, sem dúvida. E então, reflectindo um pouco sobre aquela legenda,  confrontei-me com a realidade deste percurso ter sido sempre  marcado pela busca incessante de um equilíbrio, ou compatibilização, como se diz agora, entre vida pessoal e profissional muito intensas, em que não queria perder nada, mas sem tempo para tudo, e que prometo  contar-lhe em menos de 35 parágrafos…
01. DE ESTAGIÁRIA A EMPREENDEDORA VERSÃO MINI

Em 1982, quando terminei a faculdade, já se faziam estágios, felizmente remunerados, e recusando a ingressar no ensino, destino de quase todos os que terminavam Línguas e Literaturas Modernas na Faculdade de Letras de Lisboa, lá fui estagiar numa farmacêutica.

Logo percebi que um estágio era um início de conversa e de muita formação, tendo percebido também e imediatamente que a comunicação institucional e multicultural eram a minha paixão.

Do estágio parti para uma empresa familiar e depois para duas multinacionais de hotelaria, onde fiquei quase uma década, cheia de trabalho, responsabilidade e autonomia. E aqui o gosto pela comunicação e gestão intercultural levou-me a fazer um MBA, tendo feito os mais diversos cursos e programas de formação no entretanto.

Mas 1995 foi pródigo em coincidências, se é que elas existem… 🙂 Em Setembro terminei o MBA, nasceu a minha filha, e o grupo multinacional de hotelaria foi vendido.

O bichinho do empreendedorismo traduziu-se na criação de uma micro empresa de consultoria em comunicação e logo de seguida recebo um convite para ingressar no ensino superior.

02. NOS CORREDORES DA ACADEMIA

A docência no IPAM e depois na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa aguçaram-me o apetite de novo. Fiz um Mestrado em Ciências da Comunicação e apaixonei-me pelos filósofos da Modernidade e pós-Modernidade; pois, saiba-se lá porquê, os seminários de mestrado e posteriormente de doutoramento, foram todos muito focados nos filósofos que marcaram o século XX.

Mas o mais gratificante foram todos aqueles alunos com quem ainda hoje me cruzo e que se abrem num sorriso, e a quem estou infinitamente grata por tudo o que me ensinaram.

03. FORMANDA E FORMADORA

E, como não podia deixar de ser, fui formanda e formadora.  Ensinei comunicação, marketing, publicidade, inglês técnico e vários cursos de formação na área comportamental e de desenvolvimento pessoal. E esta última levou-me a outras leituras e a outras aprendizagens que me conduziram ao coaching.

2007 marca a minha entrada no mundo do coaching; primeiro como representante de uma empresa americana em Portugal, depois de uma formação em coaching e,  posteriormente, já em 2012, aprofundando a formação através de uma pós-graduação e certificação em Liderança Estratégica por Valores e Coaching, na Universidade Carlos III, em Madrid, homologada pela International Coaching Federation, de que sou membro e Coach certificada.

O reconhecimento do meu trabalho como coach não se mede pelas mais de 500 horas de coaching, mas sim pelo sucesso de coachees que foram promovidos, iniciaram carreiras internacionais, sendo expatriados de sucesso nalguns dos maiores grupos empresariais nacionais; ou, tão somente, mudaram de profissão, fazendo o que gostam como CEOs de algumas start ups  de serviços e até do terceiro sector.

04. E AINDA…

Consultora de Comunicação, Marketing e Vendas.

05. E AQUILO PARA QUE ARRANJO SEMPRE TEMPO!

E se lhe estou a contar esta breve história da minha vida é porque considero a escolha de um Coach implica conhecer o tipo de pessoa com quem vai lidar, as suas escolhas profissionais e os seus gostos. Deixe-me levantar o véu e mostrar-lhe um bocadinho de mim!

Considerada  nos meus círculos profissionais como muito assertiva e controlada (o que para mim só é sinónimo de ter algum bom senso e de não disparatar com toda a gente quando o mundo nos contraria), leitora inveterada, networker e observadora atenta, tenho um leque de interesses de 180 graus, que vão da literatura, em que não escondo a paixão por Eça de Queirós e Fernando Pessoa, os grandes escritores anglo-saxónicos e os poetas do expressionismo alemão; à música,  estudei piano durante 7 anos; à dança, em que já aprendi as clássicas e os ritmos latinos e agora tango argentino e a estar sempre atenta às últimas tendências e aos últimos desenvolvimentos tecnológicos.

Gosto de pessoas e de animais e faço tudo para visitar sítios, conhecer hábitos e apreender costumes dos povos do mundo e dos seus bichos, que me levam aos lugares mais próximos e mais distantes do planeta, sempre que posso. Adoro cães, cavalos e burros, mas só os de 4 patas 🙂 e até gosto muito de serpentes, mas o que mais me fascina na vida são as relações entre as pessoas e daí o meu gosto pelo Coaching.

Intervenções

Como coach

As minhas preferências em Coaching

Como qualquer Coach fui desenvolvendo preferências em Coaching, que aqui lhe deixo, pois quando se fala em coaching fala-se essencialmente de trabalho com adultos. Todavia, há outra área de eleição; coaching com adolescentes e jovens adultos. Se estiver interessado nesta área para os seus filhos, pergunte-me!
Executive Coaching 70%
Life coaching 25%
Team coaching 5%
De mim para si

Alguns dos artigos que escrevi

Repetimos o que não reparamos

By | Setembro 9th, 2017|Categorias: Coaching, Emília Alves|Etiquetas: |

We repeat what we don’t repair                                                             Christine Langley-Obaugh   Encontrei esta frase no Facebook, num daqueles sites inspiracionais, e não pude deixar de parar o scroll down. Voltei para cima para a reler. [...]

Coaching desportivo: na senda da excelência

By | Setembro 1st, 2017|Categorias: Coaching, Emília Alves|Etiquetas: |

Falar em coaching desportivo é voltar às origens do coaching, pois este nasceu no mundo do desporto como prática de melhoria do desempenho dos atletas.   “The Inner Game of Tennis”, de Timothy Gallwey, [...]

Comentários fechados em Coaching desportivo: na senda da excelência

E alguns dos meus vídeos

FALE COMIGO!

Contacto

VAMOS FALAR SOBRE COACHING?

Estou sempre pronta para uma boa conversa. Se tem algumas dúvidas sobre o que é e de que trata realmente o coaching, as razões que levam alguém a interessar-se e a entrar num processo de coaching, ou mesmo se só pretende saber mais sobre o tema, envie-me o seu contacto.

Se aquilo que o impede de avançar é ter tempo e horário adequado para se dedicar a este tema, então não se preocupe: estou à sua espera no centro de Lisboa e não tenho horários rígidos, nem convencionais. Quer tenha tempo só logo pela manhã cedo ou ao fim do dia, envie-me o seu contacto que eu envio-lhe sugestão de um horário rapidamente.

Pretendo: (obrigatório)
Marcação de ConsultaInformações ou Reunião

Translate »